Aromaterapia traz benefícios para a terceira idade

Segundo informações da Organização Mundial de Saúde (OMS), a população mundial acima de 60 anos chegará a 2 bilhões de pessoas até 2050 – o que representará um quinto de toda a população. 

Já em 2016, o Brasil ocupava o quinto lugar no ranking das maiores populações idosas no mundo – e segundo estimativas, em 2030 o total de pessoas na terceira idade irá ultrapassar o número de crianças até 14 anos.

Por isso, muitos já comentam sobre a importância de envelhecer com qualidade de vida. A aromaterapia é uma das técnicas que pode ser aplicada na rotina de pessoas acima dos 60, justamente para aumentar sua disposição e bem-estar. É nesta idade que aumentam as queixas de disfunções físicas e psicológicas.

No meio científico já existem diversos estudos que mostram a eficácia dos óleos essenciais em tratamentos. Neste artigo, você confere alguns dos benefícios que a aromaterapia traz para pessoas na terceira idade. Acompanhe a leitura!

Melhora na ansiedade e depressão

A falta de saúde e a dependência dos familiares podem trazer ao idoso problemas psicológicos e emocionais – e a aromaterapia oferece um auxílio importante para diminuir essa sensação de vulnerabilidade  que não são benéficas ao indivíduo. 

É o que mostrou um estudo realizado pela Universidade de Hong Kong, que constatou que o uso de óleos essenciais promove uma significativa redução das emoções negativas nos pacientes idosos que foram submetidos ao uso dos óleos essenciais de lavanda e bergamota.

Alívio para dores crônicas

A dor crônica é um dos principais males que acometem os idosos, e deve ser tratado por médicos especializados. No entanto, a aromaterapia é uma ótima alternativa natural para auxiliar na diminuição do desconforto. 

Um desses óleos essenciais é o de gengibre, pois é rico em agentes anti-inflamatórios e analgésicos, auxiliando na diminuição das dores, que são provocadas por doenças como a artrose. Em um estudo realizado com pessoas acima dos 60 anos, foi comprovado que o óleo essencial de gengibre, associado ao óleo essencial de laranja doce pode trazer um alívio significativo a dores articulares no joelho – quando utilizados em massagens regulares. 

Ajuda no tratamento de efeitos do Mal de Alzheimer

Essa doença é comum em idosos e afeta as funções cognitivas, memória e atenção. Também apresenta sintomas de depressão, ansiedade, desorientação, entre outros sintomas. Em pesquisa científica, foi constatado que substâncias presentes nos óleos essenciais de lavanda, sálvia esclaréia e petitgrain conseguem melhorar nas funções cognitivas e emocionais – sendo uma alternativa natural para tratar efeitos da doença. A sugestão é sua utilização em difusores de ambientes, banhos, escalda-pés e massagem. 

Além de ser uma alternativa interessante para promover saúde e bem-estar em pessoas na terceira idade, os óleos essenciais ainda perfumam o ambiente, dando uma sensação de aconchego a todos.

É fundamental a escolha de um produto de qualidade. Oferecemos óleos essenciais com certificação 100% orgânico, perfeito para uma utilização com segurança.

Aproveite nossas promoções e condições especiais de pagamento para garantir toda a linha de aromaterapia e realize um ritual completo de aromaterapia. Faça já o seu pedido!

 

Compartilhe este artigo

Escrever um comentário