Como tratar dor de cabeça com aromaterapia

A dor de cabeça é um problema que atinge muitas pessoas todos os dias, e pode ser tão forte a ponto de ser incapacitante, impedir a realização de tarefas cotidianas, e reduzir a produtividade do indivíduo em sua vida pessoal e profissional.

Devido aos problemas e inconveniências que ela causa, muitos tratamentos foram desenvolvidos para ajudar quem sofre frequentemente desse mal a ter uma vida melhor e livre de dores.

O problema é que os tratamentos tradicionais, além de não serem muito efetivos, envolvem o uso de remédios com efeitos colaterais e substâncias que não fazem tão bem assim para o nosso organismo. Neste sentido, trazemos informações sobre como a aromaterapia pode ajudar a tratar dores de cabeça.

O que é a aromaterapia e como ela pode ser usada no tratamento da dor de cabeça?

A aromaterapia é o uso de aromas provenientes de plantas e ervas naturais com o objetivo de promover a saúde da mente e do corpo, prevenir doenças e aliviar diversos sintomas, dentre eles a dor de cabeça.

Os aromas são obtidos através de extratos concentrados dessas plantas e ervas, os chamados óleos essenciais, que possuem diversas propriedades medicinais. Os óleos essenciais podem ser diluídos em veículo carreador e friccionados na pele, usados  no difusor ambiental, em banhos de imersão, na diluídos na argila, ou sob orientação correta puros em poucas gotas nos pulsos, na planta dos pés .

Diversos óleos essenciais possuem entre suas propriedades a capacidade de reduzir a dor de cabeça, dentre eles o óleo essencial de lavanda, o óleo essencial de hortelã pimenta, e o óleo essencial de manjericão.

Para escolher o óleo essencial adequado, procure saber mais sobre as propriedades de cada substância e dos benefícios que oferecem, para saber qual se adequa às suas necessidades.

É possível utilizar a aromaterapia para tratar a dor de cabeça de diversas formas, dentre elas:

  • Pingando algumas gotas do óleo essencial escolhido na banheira ou em uma bacia de água durante o banho;
  • Massagear algumas gotinhas do óleo essencial na região das têmporas, cuidando para não deixar o óleo essencial entrar em contato com a mucosa ocular;
  • Misturar algumas gotas do óleo essencial na água do difusor ambiental;
  • Colocar algumas gotas do óleo essencial em um borrifador de água e espalhar pelo ambiente.
Compartilhe este artigo

Escrever um comentário

error: Atenção: Conteúdo protegido!