Óleo essencial antisséptico – Tea Tree

Óleo essencial antissépticoTea Tree

Melaleuca alternifolia

Família: Mirtaceae.
Origem: Austrália e Tasmânia.
Parte da planta utilizada: galhos e folhas trituradas.
Forma de extração: destilação a vapor de galhos e folhas trituradas.
Características da planta: a planta poderá ser usada para destilação dos galhos e folhas a partir do sétimo mês de vida. Novos cortes poderão ocorrer de seis em seis meses. A planta que não é utilizada para a destilação frequente vira uma árvore. Caso a planta seja utilizada para cortes a fim de obtenção do óleo essencial, a vida vegetal restringe-se a mais ou menos 8 anos.Homer et al. (2000), estudando a espécie de planta medicinal Melaleuca alternifólia (Myrtaceae), constataram que a deficiência hídrica severa diminui o teor de óleo essencial porém não influencia na composição química dos principais componentes do óleo essencial.

Propriedades terapêuticas e principais indicações do OE de Tea Tree – o óleo essencial antisséptico:

Primeira defesa contra infecções, antimicrobiano de amplo espectro (antibacteriano, antiviral e antifúngico), antisséptico, cicatrizante e anti-inflamatório.Usado como uma alternativa natural para combater dor de ouvido, rinite, sinusite. Imunoestimulante e febrífugo, útil em gripes, resfriados.Descongestionante venoso e arterial.

Componentes moleculares:
Álcoois monoterpênicos: 25-45% terpineol; 5% alfa-terpineol;
Álcoois sesquiterpênicos: globulol, viridiflorol;
Hidrocarbonetos monoterpênicos: 10-20% paracinemo, 1,3% beta-caryofileno, 2,5% aromadreno, 1% viridifloreno, 1% limoneno;
Óxido: 5-9% cineol. Toxicidade: nenhuma referência encontrada na literatura pesquisada.
Contraindicações: em raros casos, o OE de Tea Tree pode causar irritação dérmica se usado puro diretamente sobre a pele. Como uma advertência, lembramos da necessidade de sempre testarmos o OE que estiver sendo usado pela primeira vez em uma pessoa. Pingue 2 gotas de OE de Tea Tree nas axilas, na parte interna do cotovelo e atrás da orelha. Espere por 12hs antes de utilizá-lo em um ferimento para uma pessoa que nunca o utilizou. Caso, a pessoa tenha alguma reação não use este OE, troque-o por copaíba destilada, lavanda ou sangue de dragão.
Desaconselha-se seu uso nos três primeiros meses de gestação.
Seu aroma renova, refresca e protege a energia do ambiente.
Banho de assento: adicione 5 gotas de OE de Tea Tree em água morna para ducha vaginal, banho de assento em caso de cândida vaginal, cistites e leucorreia;
Fricção febrífuga: em adultos espalhe 30 gotas de OE de Tea Tree em todo o corpo, friccione vigorosamente. Em crianças, com mais de 3 anos de idade, pingue 15 gotas, realizando a mesma fricção;
Inalações: quando inalado por vaporização, ajuda a liberar o muco e alivia constipação e bronquite. Asma, tosse, sinusite e tosse convulsiva também respondem bem ao tratamento com este OE. Em uma bacia de água fervendo, adicione 5 gotas de OE de Tea Tree, 5 gotas de OE de breu branco e 5 gotas de OE de lavandin;
Uso tópico: o OE de Tea Tree é eficaz no tratamento de problemas como pé de atleta, herpes labial, verrugas e cravos, devido às suas potentes propriedades antifúngicas. Este OE é ativo contra as três variedades de organismos infecciosos: fungos, bactérias e vírus. Pelas suas propriedades antissépticas é também apropriado para tratar frieiras e oleosidade da pele. É excelente para combater acne e para tratar inflamações na pele, picadas de insetos, bolhas e caspa;
Shampoo de uso veterinário: para eliminar pulgas nos animais de estimação, adicione algumas gotas no shampoo habitual ou dilua algumas gotas de OE em água e massageie o pelo após o banho.
Adquira o óleo essencial antisséptico, o OE de Tea Tree, em nossa loja virtual. Clique aqui.
Compartilhe este artigo

Escrever um comentário

error: Atenção: Conteúdo protegido!