Abacate Orgânico 60ml

R$75,00

Em estoque

Óleo Vegetal de ABACATE prensado a frio

Nome cientifico: Persea gratissima

Origem do OV: Brasil

Origem da Planta: Américas

Obtenção: prensagem a frio da fruta

Coleção: Terra Flor Orgânico 60ml

Certificação: IBD Orgânico e SISORG-MAPASeloes IBD Orgânico e SISORG Orgânico do Brasil
O Óleo de Abacate Orgânico Terra Flor é uma excelente opção para os cuidados diários com a pele e os cabelos.
Age prevenindo o ressecamento da pele, melhora sua maciez e flexibilidade, protege contra os raios ultravioletas e previne o surgimento precoce dos sinais do tempo.
Indicado para todos os tipos de pele, em especial as ressecadas e desidratadas, com pequenas manchas e linhas de expressão, pois auxilia na manutenção da barreira lipídica e regeneração da pele. Também favorece a umectação de cabelos secos e rebeldes (1).
Sua composição bioquímica favorece a nutrição e o fortalecimento da pele, penetrando suas camadas mais profundas. Pode ser útil nos cuidados com a pele acneica, com eczemas, psoríase, dermatites e picadas de insetos.
Também estimula a síntese de colágeno, favorecendo a cicatrização de pequenos cortes e suavizando as marcas de cicatrizes antigas e quelóides.
Para compor uma sinergia com outros óleos vegetais, adicione de 10 a 30% de óleo de abacate.
Pode ser usado para amolecer as cutículas das unhas.

Abacate – Persea gratissima

Selos IBD Orgânico e SISORG Orgânico do Brasil

Família: Lauraceae
Cor: amarelado

O abacate é um fruto originário do México e América Central. Atualmente pode ser encontrado em diferentes continentes, especialmente em regiões de clima tropical e subtropical e é considerado uma das plantas mais produtivas por unidade de área cultivada.

Seu óleo é extraído dos frutos frescos e maduros com altos níveis de lipídios e contém substâncias bioativas que podem ser utilizados de diferentes formas, seja para prevenir problemas de saúde, na fabricação de cosméticos ou como veículos carreadores em massagens ou na aromaterapia.

O óleo de abacate, mais utilizado para cuidados estéticos, pode também ser adicionado à alimentação. Sua composição em ácidos graxos é semelhante ao óleo de oliva, com baixa acidez e boa estabilidade.

A qualidade do óleo de abacate depende da qualidade dos frutos. Para se obter um óleo de alta qualidade, é necessário colher os frutos com maturação adequada e processá-los o mais rápido possível, para evitar deterioração da polpa e consequentemente, do óleo.

Um estudo avaliou o efeito neuroprotetor do óleo de abacate em um modelo in vitro de estresse induzido por cortisol. Os testes identificaram que o óleo de abacate teve efeito antioxidante e neuroprotetor sobre as as células neurais e reverteu os danos causados pelo estresse crônico (2).

É constituído pelos seguintes ácido graxos:

  • Ácido Oleico – ômega 9 (55-74%)
  • Ácido Linoleico – ômega 6 (10-14%)
  • Ácido Palmítico (9-20%)
  • Ácido Palmitoleico (2,8-8%)
  • Ácido Linolênico – ômega 3 (1-3%)
  • Vitaminas A, D, E, K e niacina, além de outros nutrientes, como potássio, lecitina e ácido fólico.

Cosmética

O óleo de Abacate Terra Flor é emoliente e nutritivo, com excelente absorção e penetração na pele. Tem um alto poder de hidratação, amacia e estimula a regeneração dos tecidos, deixando a pele macia e nutrida.

Seu uso constante favorece a manutenção e reposição da barreira hidrolipídica da pele, diminuindo o ressecamento excessivo, assim como a coceira e vermelhidão decorrente de eczemas e psoríases.

Por ser rico em vitaminas, aminoácidos e minerais, pode ser usado em cuidados corporais e faciais, assim como nas unhas e cabelos.

Por conter um leve fator de proteção solar, protege naturalmente dos danos causados pela exposição excessiva ao sol.

Pode ser utilizado nos cuidados diários em oleações pós-banho, massagens, fricções, máscaras e escalda-pés. Também pode ser acrescentado em loções hidratantes, produtos para banho, condicionadores de cabelo, produtos para manicure e pós-depilação. Ele também é utilizado como ingrediente na produção de sabões e sabonetes artesanais.

Sua aplicação pode ser feita sempre que houver necessidade, sem restrições.

Modo de usar

Use-o em massagem facial e corporal, puro ou como veículo carreador de óleos essenciais.

Para hidratar a pele, aplicar no corpo ainda molhado após o banho. Não é necessário enxaguar.

Para umectar os cabelos, aplique 2 horas antes de lavá-los, massageie e cubra com um lenço ou touca térmica.

Vishwa Schoppan
Bióloga, Ecóloga, Aromaterapeuta.

Referências:
1. Clergeaud C & L. Les Huiles Végétales, huiles de santé et de beauté. Bruxelles: Editions Amyris, 2003.110p.
2. Motta, J R et al. Efeito neuroprotetor do óleo de abacate (Persea americana) em um modelo in vitro de estresse induzido por cortisol. 2020.
3. Worwood, V A. Aromatherapy for the beauty therapist. Hampshire, UK. Cengage Learning, 2001. 162p.

Óleo vegetal (OV)

São substâncias lipídicas, obtidas por pressão a frio das partes gordurosas de algumas frutas e leguminosas (1).
Em sua constituição química encontramos vitaminas, lecitinas, minerais e ácidos graxos essenciais.

Os ácidos graxos essenciais: consistem em um tipo de lipídio formado por cadeias longas de carbonos (C) com um grupamento carboxila (–COOH) em uma de suas extremidades. Utilizados como combustível celular, constituem uma das principais fontes de energia para a célula juntamente com a glicose e as proteínas (2).
Podem se apresentar na forma saturada ou insaturada, dependendo da ligação entre os átomos de C e O de suas moléculas.

Ácido graxos saturados: possuem ligações simples entre os átomos de C e O. São majoritariamente de origem animal e tendem a ser sólidos à temperatura ambiente. Devem ser consumidos em pequenas quantidades pois estão relacionados à doenças cardiovasculares.

Ácido graxos insaturados: possuem ligações duplas entre os átomos de C e O. Costumam ser de origem vegetal e normalmente apresentam-se líquidos à temperatura ambiente. São importantes na manutenção da integridade das membranas celulares e na produção de hormônios. Utilizados na cosmética por fornecerem à epiderme os elementos necessários a sua estruturação, hidratação, maciez e vitalidade. Protegem a célula epitelial contra a degeneração e oxidação prematura (2,3).

Principais ácidos graxos insaturados:
Ácido linolênico (ômega-3)
Ácido linoleico (ômega-6)
Ácido oleico (ômega-9)

Pela alta concentração de ácidos graxos presentes na constituição dos OV, estes apresentam ação antioxidante e reconstituinte da camada córnea da pele.
Ajudam a manter a elasticidade e combater seu envelhecimento precoce.
Dão brilho à pele e aos cabelos deixando-os flexíveis, macios e tonificados.

Os OV ou óleos carreadores, como são também chamados, são utilizados como veículos para diluição dos óleos essenciais (OE), uma vez que muitos OE são dermoagressivos se usados puros sobre a pele.

Os OV permitem que os OE sejam usados com segurança, possibilitando sua absorção.
O processo de extração é fundamental para garantir suas propriedades e características. Muitos óleos comercializados no varejo são prensados em altas temperaturas ou com uso de solventes de grau não alimentício, o que faz com que as moléculas se desagreguem, saturando-se e perdendo seu efeito terapêutico. O que garante a estabilidade molecular e as propriedades de um OV é seu método de extração. A obtenção por pressão a frio é considerado o melhor método para manter a integridade molecular do OV e com isso garantir seu efeito terapêutico.

A Terra Flor preza pela alta qualidade de seus produtos, por isso só comercializamos OV extraídos por pressão a frio. Embora nossos OV sejam direcionados para uso em massagem e aromaterapia, muitos possuem padrão alimentício, tais como amêndoas doce, castanha do Brasil, chia, linhaça dourada, semente de abóbora, semente de uva e girassol.

Vishwa Schoppan
Bióloga, Ecóloga, Aromaterapeuta.

Referências:
1. Corraza S. Aromacologia, uma ciência de muitos cheiros. São Paulo: Editora SENAC São Paulo, 2002.
2. Faucon M. Traité D’Aromathérapie Scientifique et Medicale Les Huiles Essentielles. (3 ed.). Paris: Éditions Sang de la Terra; 2017.
3. Krcmar M. Les huiles végétales pour votre santé. Labège: Éditions Dangles, 2007.