Sândalo amyris 10ml

R$118,00
R$ 113,28 no Pix ou 4x de R$ 29,50

Em estoque

Óleo essencial da sensualidade

Nome científico: Amyris balsamifera
Origem: Haiti
Obtenção: Destilação a vapor
Coleção: Terra Flor Essencial 10ml
Certificação: IBD Ingredientes Naturais
Selo IBD - Ingredientes Naturais, para produtos sem aditivos.
Seu aroma amadeirado, levemente doce e exótico nos remete ao oriente.
Ameniza a tensão nervosa e eleva o espírito, facilitando a abertura do coração.
Suas qualidades sutis favorecem a confiança, entrega e intimidade nos relacionamentos.
Desperta a sensualidade e o interesse pelo prazer.
Pode ser um coadjuvante em cosméticos e produtos para os cuidados de pele.

Faça o seu Login para liberar o download
dos arquivos de cromatografia e/ou laudo técnico de análise.


Você também pode gostar de…

Sândalo amyris – Amyris balsamifera

Conhecido como “sândalo ocidental”, o óleo essencial de sândalo amyris é extraído a partir da destilação a vapor de cascas e lascas picadas da espécie Amyris balsamifera, que pertence ao gênero Amyris, da família Rutaceae, a mesma a qual pertencem os frutos cítricos e a arruda.
A etimologia do termo Amyris possivelmente vem do grego “ámyron” e significa sem cheiro, hostil. Já “balsamifera” vem do grego “bálsamon” e significa perfume, especiaria ou “aquele que produz resina aromática ou dotada de qualidades balsâmicas”.
Esta é uma árvore originária da América Central, de médio porte, que chega a alcançar de 5 a 13m de altura. Cresce em estado selvagem nas encostas do Haiti e produz uma bela flor branca. Ao contrário do Santalum album, o sândalo verdadeiro, onde o óleo essencial se encontra no cerne, Amyris balsamifera concentra seu óleo essencial nas lascas do caule.
Existe pouca documentação acerca deste óleo essencial, talvez devido ao fato de que até 1886, essa árvore era chamada de Schimmerelia oleisera. Foi nessa data que Kirby and Holmes estudaram essa árvore e através de exames microscópicos de suas folhas, modificaram o nome botânico para Amyris balsamifera. No Haiti é conhecida como “madeira de vela” devido sua madeira possuir alto teor de óleo, tornando-a incandescente. Era usada como tocha para iluminar o caminho (1).
Embora botanicamente sejam espécies diferentes, o aroma deste óleo essencial é semelhante ao sândalo, sendo amadeirado e doce com um toque de pimenta e muitas vezes é utilizado como um substituto a este, devido à diferença de custo e maior facilidade de acesso, embora não seja um substituto totalmente adequado. É muito utilizado em sabonetes e perfumes que precisam de maior estabilidade.Também está presente em cosméticos para tonificação e rejuvenescimento, evitando rugas, manchas e marcas do tempo (2).
O óleo essencial de sândalo amyris combina com OE de cedro Atlas, gengibre, lavanda e ylang ylang, dentre muitos outros. Na aromaterapia, pode ser usado em massagens, oleações, fricções, escalda-pés, banhos, aromatização ambiental, perfumes e sprays.

Componentes moleculares:
Hidrocarboneto sesquiterpênico: 30% cariofileno;
Álcool sesquitepênico: 70% cadinol;
Cumarina: balsamiferona, hidroxisuberosina.

Aromacologia

Óleo Essencial da sensualidade
Aroma amadeirado, levemente doce e exótico que nos remete ao oriente.
Seu aroma ameniza a tensão nervosa e eleva o espírito, facilitando a abertura do coração.
Cria uma atmosfera de harmonia e confiança ao ambiente, favorecendo a intimidade nos relacionamentos, a expressão dos sentimentos com cumplicidade e ternura.
As qualidades sutis deste aroma fazem uma ponte entre o chakra básico e o coronário, resgatando a naturalidade, espontaneidade e sacralidade ao ato sexual. Estimula a segurança e equilíbrio, conduzindo a mente ao estado meditativo que favorece conexões maduras, profundas e verdadeiras.
Formas de uso: ABCCAFLMST

Cosmética

Devido aos seus potenciais e qualidades aromáticas, pode ser adicionado a cremes, óleos de massagem e cosméticos em geral para favorecer os cuidados de pele. Formas de uso: CFLMT
Coadjuvante no resgate da beleza e firmeza da pele, pode ser usado em máscaras e cosméticos corporais e faciais. Formas de uso: CCFLMTUF

Usos Tradicionais

Popularmente utilizado como um tônico do coração e coadjuvante da circulação.
Pode ser utilizado em escalda-pés e óleos de massagem para evitar retenção de líquidos, inchaço e sensação de pernas pesadas. Formas de uso: EPFLM
Seu aroma acalma a mente, alivia o medo e favorece a abertura para a intimidade. Formas de uso: AST
Em cosméticos, pode ser um coadjuvante nos cuidados de pele, para aliviar os desconfortos causados por excesso de exposição ao sol, coceiras, rachaduras do calcanhar e dos cotovelos e acne. Formas de uso: FLMTUF
Na medicina popular, este OE é usado como coadjuvante nos curativos de pequenos cortes e ferimentos leves, além da prevenção de inimigos externos e repelente de insetos. Formas de uso: CT

Sugestões de uso:
Óleo de massagem para amaciar a pele: adicione 20 gotas de OE de sândalo amyris, 20 gotas de OE de gerânio e 20 gotas de OE de limão siciliano a 120ml de Sinergia Vegetal e use a quantidade suficiente para a massagem;
Banho relaxante oriental: adicione 25 gotas de OE de sândalo amyris em 3 colheres de sopa de sabonete líquido neutro e misture na água da banheira. Relaxe por 15 minutos;
Para cuidar de pequenos machucados: adicione 2 gotas de OE de sândalo amyris em 1 gota de óleo vegetal e aplique diretamente no local;
Favorecer a meditação: adicione 6 gotas de OE de sândalo amyris, 3 gotas de OE de cedro Atlas, 3 gotas de OE de olíbano no difusor ambiental e deixe ligado por 15 minutos;
Óleo de massagem dos amantes: adicione 40 gotas de OE de sândalo amyris, 20 gotas de OE de sálvia sclarea em 120ml de sinergia vegetal e use a quantidade necessária para massagear a pele;
Para aromatizar o quarto nos momentos íntimos: adicione 8 gotas de OE de sândalo amyris, 2 gotas de OE de ylang-ylang, 3 gotas de OE de pau-rosa e 2 gotas de OE de pimenta preta ao difusor ambiental e deixe ligado por 15 minutos;
Spray aromático: adicione 25 gotas de OE de sândalo amyris em 70 ml de álcool de cereais e 30ml do seu hidrolato preferido.

Vishwa Schoppan
Bióloga, Ecóloga, Aromaterapeuta.

Referências:
1. Amyris balsamifera. Disponível em: http://ezinearticles.com/649279
2. Amyris balsamifera. Disponível em: http://antropocene.it/2020/03/08/amyris-balsamifera/

Legenda das Formas de Uso:

OE = óleo essencial
OV = óleo vegetal
CS = colher de sopa

ADVERTÊNCIA: teste o OE sempre que estiver sendo usado pela primeira vez. Para isso, pingue 2 gotas de OE nas axilas, na parte interna do cotovelo e atrás da orelha. Espere por 12hs e observe. Caso apresente alguma reação alérgica, não recomendamos o uso deste OE. Realize este teste mesmo se o OE estiver diluído a um veículo carreador.

A quantidade de gotas de OE sugeridas dependerá da intensidade do aroma do OE escolhido. Alguns OE possuem aroma mais intenso, utilize quantidades menores. Use sempre diluições mínimas em crianças, idosos e gestantes.

AAromatização Ambiental: Pingue mais ou menos 12 gotas de OE na água do difusor ambiental. Adicione mais ou menos gotas de acordo com a intensidade do aroma.

BBanho de Imersão (banheira ou ofurô): Para aromatizar a água do banho, dissolva de 7 até 21 gotas de OE em 3 CS de leite de côco. Adicione mais ou menos gotas de acordo com a intensidade do aroma. Dissolva a mistura na banheira ou ofurô. Nunca use OE diretamente na banheira sem diluição em veículo carreador.

BABanho de Assento: Dilua 10 gotas de OE em 5 CS de leite de côco e adicione à água fria do banho de assento.

CCompressa local com água ou argila: Pingue de 5 até 10 gotas de OE em 1 CS de OV e dissolva na água fria ou quente. Use uma toalha para fazer a compressa. Na argila, pingue 3 gotas de OE para 1 CS de argila, adicione água ou água floral até formar uma pasta consistente. Use quantas CS de argila forem necessárias para formar uma pasta que cubra toda a área a receber a compressa.

CAColar Aromático: Pingue 3 gotas de OE no algodão e acomode-o no orifício do colar. Adicione mais gotas toda vez que o aroma acabar.

EPEscalda Pés: Dilua 15 gotas de OE ou sinergia em uma colher de OV e coloque numa balde ou ofurô de pés.

FLFricção Local: Dilua de 3 até 5 gotas de OE em 1 CS de OV e fricione a área afetada.

MMassagem: Adicione de 50 a 70 gotas de OE em 120ml de OV e utilize-o na massagem.

SSpray: Adicione 40 gotas de OE de sua preferência em uma solução de 60ml de álcool de cereais e 40ml de água deionizada. Use com um frasco spray.

TUso Tópico: Pingue 5 gotas de OE diluídas em 1 CS de OV de pracaxi, andiroba, rosa mosqueta ou outro OV indicado.