Cardamomo CO2 5ml

R$120,00

Em estoque

Óleo essencial do empoderamento

Nome cientifico: Elettaria cardamomum
Origem: Índia
Obtenção: extração por gás carbônico das sementes
Coleção: Terra Flor Raro
Certificação: IBD Ingredientes Naturais
Selo IBD - Ingredientes Naturais, para produtos sem aditivos.
Aroma picante, energizante, exótico de especiarias.
Ativa a energia vital encorajando e empoderando.
Estimula a criatividade, traz segurança e confiança para momentos desafiadores como falar em público, realizar provas e entrevistas.
Afrodisíaco, útil para impotência e frigidez.
Digestivo, ameniza o efeito gástrico irritante da cafeína.
Acalma náuseas e azia durante a gestação.
Coadjuvante em tratamentos para combater vermes.
Revitalizador, expectorante, anticatarral.
Sudorífero, elimina toxinas via transpiração.
Combate mau-hálito.
Pode apresentar irritação em peles sensíveis.

Você também pode gostar de…

Cardamomo – Elettaria cardamomum

A palavra “cardamomo” é derivada do Latin cardamomum , que é a latinização do grego kardamomon, que provavelmente foi o nome de uma espécie de especiaria indiana.
Elettaria, deriva do Malasyam elakkay que significa “semente” ou “fruta”.
Às vezes é mencionada como a “rainha de especiarias” ao lado da pimenta preta (Piper nigrum), que é conhecido como o “rei das especiarias”. Os frutos secos e maduros do cardamomo foram utilizados como tempero e medicamentos desde o século IV a.C.
O cardamomo já era conhecido e muito valorizado na Grécia antiga onde chegou nas rotas das caravanas e seguiu de Constantinopla à Escandinávia, tornando-se popular em toda a Europa, a partir do século XIII.
Originário do Sul da Índia e Sri Lanka. Atualmente cultivado em vários países, sendo a Guatemala, na América Central, um dos principais cultivadores e exportadores dessa semente.
Pertence a família botânica Zingiberaceae.
É um arbusto perene, de porte entre 1 a 1,80 m de altura, com folhas grandes, flores brancas com traços violáceaos e frutos secos de cor esverdeada, contém sementes escuras e perfumadas de sabor picante. Cresce nas florestas tropicais úmidas e levemente sombreadas, suportando altas temperaturas, mas nunca inferiores a 15 °C. Embora aprecie umidade alta não tolera encharcamentos.
O cardamomo é amplamente utilizado na cozinha chinesa e árabe, sendo depois do açafrão e da baunilha a terceira especiaria mais valorizada.
Normalmente, as sementes são vendidas no interior do fruto, porque seu sabor é rapidamente perdido. As sementes escuras e perfumadas de sabor picante podem ser transformadas em pó ou em OE, sendo um ingrediente perfeito para realçar o aroma do café, hábito comum no Líbano e na Síria. Também é utilizado para aromatizar pães, carnes, doces, sorvetes, embutidos e licores. Delicioso acompanhando maçãs e peras assadas, em picles e no arenque em conserva.
Existem 3 variedades de cardamomo:
Elettaria cardamomum: cardamomo verdadeiro ou verde, é distribuído da Índia para a Malásia.
Amomum krervanh: cardamomo branco, vem de cardamomo de uma região da Tailândia, chamada de Siam.
Amomum subulatum: cardamomo preto, também conhecido como cardamomo marrom, maior, grande, mais longo, cultivado no Nepal, Sikkim e partes do distrito de Darjeeling em Bengala Ocidental da Índia, e o sul do Butão.
Os dois tipos de cardamomo, o verde e o preto, foram distinguidos no século IV a.C. pelo pai grego da botânica, Theophrastus. Theophrastus e dicípulos sabiam que essas variedades eram originalmente e exclusivamente da Índia.
É necessário 100Kg de frutos secos de Elettaria cardamomum para se obter 1kg de OE (2).
Os principais componentes moleculares presentes no OE de cardamomo são acetato de α-terpinila, 1,8-cineol e linalol.

Aromacologia

Óleo Essencial do empoderamento
Aroma picante, energizante, exótico de especiarias nos remete aos mistérios do oriente.
Indicado para estimular a criatividade e abundância que emanam do eu superior.
Abranda a confusão mental advinda em momentos de sobrecarga de trabalho e excesso de responsabilidade.
Estimula a coragem para enfrentar o medo que paralisa, permitindo a expressão das emoções sem excessos, com lucidez e sabedoria.
Auxilia pessoas com falta de vontade própria a posicionarem-se, acalma a ansiedade que paira sobre o plexo solar, trazendo segurança em momentos desafiantes como: falar em público, realizar provas e entrevistas.
Formas de uso: ABHIMPS

Cosmética

Os usos tradicionais do cardamomo para tratar as condições da pele atraíram a atenção daqueles que desenvolvem cosméticos naturais à base de plantas.
Muitas vezes é incorporado em sabões e cremes para mãos.

Usos Tradicionais

Os componentes voláteis encontrados no OE de cardamomo, possuem atividades antioxidantes, anti-hipertensivas, gastroprotetoras e antibacterianas (1). Formas de uso: ABHIMPS
Estimulante da energia vital. Formas de uso: ABHIMPS
O OE de cardamomo possui potencial tônico digestivo, estomáquico, eupéptico, carminativo e vomitivo (1). Formas de uso: FLFPI
Na bibliografia pesquisada encontra-se referências ao uso deste OE como excelente opção no combate a indigestões, arrotos, cólicas intestinais, azia, mau-hálito e verminoses. Formas de uso: BOCFLFPI
Alguns autores citam as propriedades anticatarral, mucolítico e expectorante, com capacidade deste OE de expulsar o catarro dos brônquios (3). Formas de uso: CPFLFPV
Na medicina Ayurvédica é citado como suavizante do efeito intoxicante e irritante gástrico da cafeína e como estimulante do apetite sexual, sendo um OE muito utilizado como afrodisíaco, útil para combater os sintomas da impotência e frigidez. Formas de uso: CAFLFPIMPS
Ameniza cardialgia de fundo nervoso e taquicardia. Formas de uso: I
O aroma alivia náuseas na gestação (4). Formas de uso: I

Segurança no Uso

Pode apresentar irritação em peles sensíveis.

Vishwa Schoppan
Bióloga, Ecóloga, Aromaterapeuta.

Referências:
1. Preedy V. Essential Oils in Food Preservation, Flavor and Safety, 295–301p.
2. Erligmann A. Les huiles essentilles culinaires. Aix-En-Provance. França: Édisud, 2009.
3. Franchome P, Pénoël D, Jollois R. L’Aromathérapie exactement. França: Editions Roger Jollois, 2001.
4. Badoux D. Les cahiers pratique D’aromathérapie selon L’ecole Françoise. Grossesse. Luxenburg: Ed.Inspir, 2006.

Legenda das Formas de Uso:

OE = óleo essencial
OV = óleo vegetal
CS = colher de sopa

ADVERTÊNCIA: teste o OE sempre que estiver sendo usado pela primeira vez. Para isso, pingue 2 gotas de OE nas axilas, na parte interna do cotovelo e atrás da orelha. Espere por 12hs e observe. Caso apresente alguma reação alérgica, não recomendamos o uso deste OE. Realize este teste mesmo se o OE estiver diluído a um veículo carreador.

A quantidade de gotas de OE sugeridas dependerá da intensidade do aroma do OE escolhido. Alguns OE possuem aroma mais intenso, utilize quantidades menores. Use sempre diluições mínimas em crianças, idosos e gestantes.

AAromatização Ambiental: pingue mais ou menos 12 gotas de OE na água do difusor ambiental. Adicione mais ou menos gotas de acordo com a intensidade do aroma.

BBanho de Imersão (banheira ou ofurô): para aromatizar a água do banho, dissolva de 7 até 21 gotas de OE em 3 CS de leite de côco. Adicione mais ou menos gotas de acordo com a intensidade do aroma. Dissolva a mistura na banheira ou ofurô. Nunca use OE diretamente na banheira sem diluição em veículo carreador.

BABanho de Assento: dilua 10 gotas de OE em 5 CS de leite de côco e adicione à água fria do banho de assento.

BOBochecho: pingue 3 gotas de OE em um copo d’água, ou dilua em 3ml de OV. Não engolir.

CCompressa local com água ou argila: pingue de 5 até 10 gotas de OE em 1 CS de OV e dissolva na água fria ou quente. Use uma toalha para fazer a compressa. Na argila, pingue 3 gotas de OE para 1 CS de argila, adicione água ou água floral até formar uma pasta consistente. Use quantas CS de argila forem necessárias para formar uma pasta que cubra toda a área a receber a compressa.

CPCompressa Peitoral: dilua 3 gotas de OE em 1 CS de OV e massageie a região peitoral. Após a massagem, aplique uma compressa morna.

FLFricção Local: dilua de 3 até 5 gotas de OE em 1 CS de OV e fricione a área afetada.

FPFricção Plantar: pingue 3 gotas de OE diretamente na planta de cada pé e friccione. Para OE dermoagressivos friccione diretamente pé com pé, não utilze as mãos.

HHidratação:
- para o rosto dilua 1 gota de OE em 1 CS de OV;
- para o corpo pingue 60 gotas de OE em 120ml de OV, ou dilua o OE em qualquer outro veículo carreador (argila, creme, loção ou manteiga vegetal);
- para os cabelos pingue 5 gotas de OE em 1 CS de OV para hidratar a ponta dos fios.

IInalação: no lenço, pingue 3 gotas de OE; no inalador própro para uso de OE, pingue 5 gotas; no pulso, pingue 2 gotas de OE e friccione com o pulso da outra mão.

MMassagem: adicione de 50 a 70 gotas de OE em 120ml de OV e utilize-o na massagem.

PPerfume: use algumas gotas de OE como perfume natural. Nunca use óleos essenciais cítricos diretamente na pele e exponha-se ao sol.

SSpray: adicione 40 gotas de OE de sua preferência em uma solução de 60ml de álcool de cereais e 40ml de água deionizada. Use com um frasco spray.

VVaporização: pingue de 8 a 15 gotas de OE em um recipiente com água quente, cubra a cabeça com uma toalha ou cobertor e inspire profundamente até a água esfriar.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.